8 filmes sobre jornalismo para relaxar e aprender

Jornalista que é jornalista adora um entretenimento de qualidade. Produções cinematográficas costumeiramente retratam a realidade das redações de jornais pelo mundo ou a rotina nada fácil de jornalistas. Filmes sobre jornalismo são uma boa pedida para quem quer refletir sobre a profissão ou só relaxar no tempo de folga. 

Alguns filmes sobre jornalismo são destaque na premiação do Oscar. Em 2016 o filme Spotlight: segredos revelados levou a maior premiação do cinema mundial. A produção conta sobre a investigação jornalística de casos de abuso sexual e pedofilia por membros da arquidiocese católica e pode ser alugado por R$ 5,90 ou comprado por R$ 24,90 no Youtube.

Outro filme sobre jornalismo reconhecido pela academia é The Post: A guerra secreta. Indicado ao Oscar em 2018 e também retrata um caso de jornalismo investigativo. Boa noite e boa sorte é outro premiado filme sobre jornalismo e que deve integrar a lista dos profissionais.

Confira algumas sugestões de filmes sobre jornalismo que podem ser encontrados nas plataformas de streaming ou online. 

Netflix

The Post: A guerra secreta

Indicado ao Oscar de melhor filme, The Post lançado em 2017 é do diretor Steven Spielberg. Além de um intrigante roteiro sobre os dilemas de um jornal prestes a lançar suas ações na bolsa, o filme defende a liberdade de expressão para publicar reportagens polêmicas envolvendo o governo, em uma crítica a Donald Trump. Entre o elenco está Meryl Streep, Tom Hanks, Sarah Paulson, Bob Odenkirk e outros.

A História Verdadeira

Com 1h39 de duração, o filme de 2015 é baseado em fatos reais. Retrata uma relação complexa entre um repórter decadente do jornal New York Times e um criminoso procurado pelo FBI que roubou a identidade do jornalista para viver por anos fora do país. O suspense é do diretor Rupert Goold e convida à reflexão sobre o papel do jornalismo e a linha tênue entre a verdade e a mentira enfrentada pelos profissionais. 

State of play (Intrigas de Estado)

O suspense do diretor Kevin MacDonald trata de uma investigação jornalística em torno da morte da assistente de um político famoso por ser um possível presidenciável nos Estados Unidos. Após o assassinato, jornalistas começam a atuar junto com a polícia e descobrem uma rede de intrigas e conspirações contra o influente político. 

Amazon

Boa noite e Boa sorte

O filme de 2005 é um clássico que costuma ser obrigatório para estudantes de jornalismo. A produção retrata um conflito entre o jornalista norte-americano Edward R. Morrow o e senador o Joseph McCarthy. O âncora de televisão e um dos profissionais mais reconhecidos dos EUA enfrentou um grande confronto com o político ao divulgar mentiras contadas por ele. 

Uma repórter em apuros

Uma jornalista cansada da rotina de redação em uma televisão de Nova York decide mudar de ares e vai parar no Afeganistão, para trabalhar como correspondente do canal. Sua realidade se transforma completamente ao acompanhar as atividades das tropas norte-americanas e ter de se adaptar aos costumes locais e ao perigo constante. O filme dos diretores Glenn Ficarra e John Requa é de 2016. 

Youtube

O Sal da Terra

O documentário de 2015 retrata a história de Sebastião Salgado, um renomado fotojornalista brasileiro que ficou internacionalmente conhecido por seus registros de miséria extrema na África e no nordeste do Brasil.  A produção dos diretores Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado está disponível para alugar por R$ 3,90 ou comprar por R$ 12,90 no Youtube.

Entrevista com Deus

O que você perguntaria se tivesse a oportunidade de entrevistar Deus? Foi com esse questionamento que um jornalista se deparou neste filme, em uma fase em que vivia sem esperanças e vendo seu casamento ruir. A história envolve espiritualidade e jornalismo e é do diretor Perry Lang. Lançada em 2018 e está disponível para alugar por R$ 6,90 ou comprar por R$ 39,90 no Youtube.

Sabe como o Google pode ajudar sites de notícias e jornalistas na apuração jornalística? Confira 20 ferramentas disponíveis e que podem auxiliar.